“De tudo ficaram três coisas:

a certeza de estar sempre começando,

a certeza de que era preciso continuar,

a certeza de que tudo poderia ser interrompido”…

O escritor mineiro Fernando Sabino,

abrindo a sensacional trajetória

de Eduardo Marciano em “O Encontro Marcado

Anúncios